Previc cria grupo de fiscalização e negocia novas regras para aplicação de fundos de pensão em FIP

A Secretaria de Previdência Complementar (Previc), que fiscaliza os fundos de pensão, criou um grupo de inteligência investigativa para analisar as aplicações dos fundos de pensão para detectar irregularidades em aplicações. O grupo foi criado há 20 dias e é formado por 16 pessoas e trabalha em conjunto com outros órgãos do mercado, como o Banco Central (BC) e a Comissão de Valores Mobiliários (CVM). A Previc estuda também propostas para os Fundos de Participações, que causaram prejuízos de R$ 50 bilhões aos fundos, conforme investigações da Operaçao Greenfield.

Abrapp defende mudanças na tributação de fundos de previdência

Entidade defende mudanças que incentivem empresas menores a oferecerem previdência privada para seus funcionários e que permitam que contribuintes de menor renda que hoje fazem declarações simplificadas também tenham deduções com planos. Defende também alíquotas menores para prazos maiores e mudanças na forma de escolher a tributação dos planos.

Contra fraudes em fundos, Abrapp sugere autorregulação, nova lei e punições mais duras

A Abrapp criou um código de autorregulação para tentar evitar a repetição de casos como os de desvios de recursos dos fundos de pensão de estatais, estimados em R$ 8 bilhões, conforme denúncias da Operação Greenfield. Além do código, a entidade defende a aprovação de leis com punições mais duras para quem cometer fraudes e uma nova regulamentação para o setor que reduza as indicações políticas para os fundos. Outra proposta é fortalecer a Previc.

Pesquisa mostra desconhecimento da previdência mesmo em RH e sindicatos

Uma pesquisa da consultoria TNS Global sobre o grau de conhecimento da previdência junto aos departamentos financeiros e de recursos humanos de empresas e sindicatos mostrou que é apenas o grande público que ignora o funcionamento dos sistemas públicos e privados. Apenas 63% dos funcionários de empresas do setor privado da área de RH disseram conhecer bem ou muito bem o regime geral de previdência do país, percentual que cai para 42% nos sindicatos.

Déficit dos fundos de pensão cresce 9% no 1º semestre; rentabilidade fica abaixo da meta

A Abrapp estima que haja um potencial de 12,8 milhões de novos participantes de planos de previdência fechada, o equivalente a 16% da População Economicamente Ativa (PEA). Desse total, 500 mil são funcionários de empresas estatais que não aderiram aos planos oferecidos. Há ainda 1,1 milhão de servidores de regimes próprios de previdência social (RPPS), como são chamados os sistemas de previdência de Estados e municípios, que enfrentam dificuldades e precisam ser revistos, alerta Pena Neto.

Previc publica regras para fundos de pensão ajustarem seus déficits

A Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc), publicou no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 5 de setembro de 2016, a Instrução Previc nº 32, que estabelece procedimentos a serem adotados pelas entidades fechadas de previdência complementar (EFPC) para a elaboração, aprovação e execução de planos de equacionamento de déficit.

Receba nossas novidades no seu e-mail.
Enviar