Arena Previdência, Planejamento Financeiro

Ibovespa bate recorde com mais de 74 mil pontos; em dólar índice ainda está 46% abaixo do pico

bovespa_bolsa_acoes_ibovespa_pregao_BM&FBovespa

O Índice Bovespa está em alta hoje,  atingindo o maior nível de sua história. Às 13h40, o Ibovespa subia 2%, para 74.602 pontos, ultrapassando o recorde de 73.516 pontos de 20 de maio de 2008, segundo a Economática. A alta reforça uma tendência de recuperação iniciada em 21 de junho, quando o índice saiu de 60.761 pontos, e mostra a mudança nas perspectivas para o país do ano passado para cá. Há apenas um ano e meio, em janeiro do ano passado, o índice estava em 37.497 pontos, o menor nível desde março de 2009.

A melhora do cenário político, com o fortalecimento do governo de Michel Temer, os sinais de que a economia está voltando a crescer, ou seja, que a política econômica está dando resultado, os juros e a inflação menores e as menores chances de vitória de um candidato contra as reformas estruturais em 2018 após as denúncias de Antonio Palocci contra Luiz Inácio Lula da Silva, alimentaram a alta da bolsa nas últimas semanas.

ibovespa_economatica_2001_2017

Espaço para subir muito ainda

Apesar da forte alta em termos nominais, a Economática chama a atenção para o fato que o mercado ainda está longe de seu pico em termos reais. Se for levado em conta o valor em dólares do índice, o Ibovespa está hoje em 24.042 pontos, quase metade dos 44.616 pontos do recorde histórico, atingido em 19 de maio de 2008. Ou seja, mesmo com a alta atual, o Ibovespa ainda está 46% abaixo do pico.

“Como em 2008 o dólar estava em R$ 1,60, falta uma alta de 85% para chegar na máxima histórica em dólar”, afirma Pablo Stipanicic Spyer, diretor de operações da Mirae Corretora. “Isso quer dizer que, em dólar, a bolsa pode subir muito ainda, já que os estrangeiros estão vendo a máxima histórica muuuito longe”, diz, acrescentando que o dólar também pode cair e acelerar o ajuste.

 

ibovespa_economatica_dolar_2001

Se for considerada a variação da inflação, medida pelo IPCA, o recorde do Ibovespa de maio de 2008 equivaleria a 127.960 pontos, e o índice hoje, estaria ainda 42% abaixo do recorde.

ibovespa_economatica_IPCA_2001

Ou seja, em termos reais, o Ibovespa ainda teria muito espaço para subir antes de atingir o pico histórico de 2008. O que não significa que ele vai continuar subindo.

Artigo AnteriorPróximo Artigo