Arena Especial, Notícias do dia

Semana terá IPCA-15, prévia da inflação oficial, Previdência, terceirização e Carne Fraca

inflação_supermercado_consumo_compras_IPCA_preços

A semana que passou foi marcada por boas e más notícias no campo econômico. Os dados do Cadastro Geral de Emprego e Desemprego (Caged) mostrando criação de emprego pela primeira vez desde 2015 e a inflação desacelerando e abrindo espaço para queda dos juros. Já a derrota do governo na questão da exclusão do ICMS na base de cálculo do PIS e da Cofins devem provocar uma perda de arrecadação de R$ 20 bilhões que terá de ser compensada de alguma forma, provavelmente com algum aumento de impostos.

E, para completar, a Operação Carne Fraca da Política Federal, mostrando a corrupção na fiscalização sanitária de frigoríficos e o uso de produtos deteriorados inclusive para exportação, vai ter impacto significativo no setor e nas exportações brasileiras. JBS e BR Foods fizeram anúncios em jornais e revistas para reafirmar seus compromissos, mas ainda terão de explicar muita coisa para recuperar a credibilidade aqui e lá fora. Mesmo com o presidente Michel Temer levando embaixadores para comer em churrascaria.  Novos desdobramentos devem ocorrer nesta semana, com as empresas rebatendo algumas acusações da PF.

No campo político, o impacto das denúncias de Rodrigo Janot contra a maioria dos partidos e as reações dos parlamentares para tentar salvar a pele serão os assuntos da semana. A expectativa é que surja uma proposta de reforma política que crie o voto em lista, ou seja, o eleitor vota no partido, que escolhe quem vai para o cargo. É uma forma de os parlamentares conservarem seus cargos e o foro privilegiado. Também a discussão sobre a anistia ao caixa 2 em campanhas deverá estar na lista de assuntos da semana. Podem ser temas a serem negociados com o presidente Temer em troca da reforma da Previdência.

A comissão especial que trata da reforma da Previdência terá audiências públicas para debater temas como as contas públicas e o déficit do INSS, a aposentadoria rural, a aposentadoria por idade e a diferença entre homens e mulheres na obtenção do benefício. A Câmara pode votar também a terceirização da mão de obra.

Na agenda econômica, o IPCA-15 será importante para mostrar se o Banco Central (BC) terá espaço para continuar reduzindo os juros. Muitos bancos já falam em Selic abaixo de 9% no fim deste ano.

Podem sair também medidas de contingenciamento de despesas do governo, juntamente com o Relatório de Avaliação de Receitas e Despesas Primárias do governo. O relatório bimestral vai mostrar se há espaço para gastar ou se é preciso cortar, destaca o Banco Fator.

Segunda-feira, 20 de março:

Na zona do euro, sai o custo do trabalho do quarto trimestre. No Brasil, destaque para o Boletim Focus do Banco Central, mostrando como estão as projeções do mercado financeiro para inflação, juros, dólar e crescimento. Nos EUA, o Fed de Chicago divulga o Índice de Atividade Nacional de fevereiro. Charles Evans, presidente do Federal Reserve de Chicago, faz discurso.

Terça-feira, 21 de março:

No Reino Unido, sai o índice de preços ao consumidor (CPI) de fevereiro. O país começa o processo de separação da União Europeia após 40 anos. Nos EUA, saem os dados de contas correntes externas do quarto trimestre. A China divulga o indicador de atividade. Diretores do Fed de Kansas e Cleveland fazem discursos no fim do dia.

Quarta-feira, 22 de março:

Saem dados de contas correntes externas da zona do euro de janeiro. No Brasil é dia do IPCA-15, prévia do índice oficial de inflação, de março. A previsão do Banco Fator é de uma alta de 0,15%, o que levaria o acumulado em 12 meses para 4,73%, ante 5,02% em fevereiro.  Sai também o Relatório de Avaliação de Receitas e Despesas Primárias, que pode vir com um contingenciamento do orçamento federal. Nos EUA, saem os preços das casas de janeiro e vendas de imóveis em fevereiro e os estoques de petróleo bruto.

Quinta-feira, 23 de março:

Sai a confiança do consumidor de abril na Alemanha e de março na zona do euro. A Fundação Getulio Vargas divulga a Prévia da Sondagem Industrial de março. Nos EUA, a presidente do Fed, Janet Yellen, faz discurso às 9 horas. Saem também as vendas de casas novas nos EUA de fevereiro.

Sexta-feira, 24 de março:

O Banco Central divulga a Nova à Imprensa sobre o Setor Externo de fevereiro. A Alemanha divulga o índice de gerentes de compras (PMI) industrial e de serviços de março, mesmos dados que serão divulgados para a zona do euro. Nos EUA, saem dados de Encomendas de Bens Duráveis e o PMI industrial.

Artigo AnteriorPróximo Artigo
Receba nossas novidades no seu e-mail.
Enviar