Arena Especial, Notícias do dia

Conheça seis dicas para controlar os gastos neste fim de ano

juros_bolsa_inflação_ações_dólar_economia_investimentos

O período de festas é considerado por muitos especialistas um dos principais momentos em que os consumidores  entram no “vermelho”, apesar de ser também a época da renda extra do 13º Salário. Somados aos gastos de início do ano, as compras feitas durante o Natal e o Ano Novo muitas vezes acabam estourando o orçamento familiar no primeiro trimestre.

Por isso, consultores financeiros recomendam cautela nos gastos de fim de ano. “O consumo consciente sempre é importante, mas, nessa época, a atenção deve ser redobrada”, explica a educadora financeira Ana Paula Hornos. “É importante fazer uma reserva financeira para evitar começar o próximo ano no negativo.”

Veja seis dicas da especialista para começar 2015 com as contas em ordem:

Não compre por impulso
Procure sair de casa já sabendo qual presente comprar e quanto irá gastar. E siga o planejamento.

Guarde mensalmente uma quantia para as compras
Dessa forma seu orçamento não terá um grande impacto com o gasto pontual.

Evite parcelar
A soma de todos os parcelamentos no cartão de crédito ou o pré-datado pode levar a um susto enorme na hora que a fatura chegar. Além disso, quando comprar à vista, exija um desconto.

Evite viagens não programadas
Deixar uma viagem para última hora pode ser bem mais caro. Se não conseguir se organizar com antecedência, opte por fazer programas em sua própria cidade ou simplesmente descansar, com o dinheiro no bolso.

Reflita sobre o equilíbrio entre felicidade e consumo
Não se deixe levar pelo lado emocional. É possível demonstrar carinho pelas pessoas que você ama ou mesmo presentear-se sem extrapolar seu orçamento, diz a educadora. “Basta colocar em prática atitudes simples como a gratidão, o contentamento e o amor.” Lembre-se: a simbologia da data e o carinho devem ser sempre mais importantes que o presente em si, acrescenta.

Evite usar seu 13º salário nas compras de Natal
Guarde seu 13º salário para os pagamentos do início do ano como matrículas de escolas e cursos, anuidades de clubes e material escolar. Além de livrar-se de contas por todo o ano, você poderá ainda conseguir um ótimo desconto com o pagamento à vista e integral de impostos e serviços. E, se sobrar um dinheirinho após os pagamentos, guarde para formação de uma reserva para emergência e realização de sonhos. “Lembre-se que ter dinheiro guardado aumenta sua liberdade de escolhas e te dá maior poder de negociação” diz Ana Paula.

Artigo AnteriorPróximo Artigo
Receba nossas novidades no seu e-mail.
Enviar