Ações na Arena, Corretoras

Corretora Rico dá isenção na tarifa de custódia do Tesouro Direto; meta é captar 100 mil clientes

rico_bovespa_pregao_trader_bolsa

A disputa entre as corretoras pelos investidores dos bancos continua proporcionando redução de custos para os investidores. A Rico, uma das maiores corretora independentes do mercado, adquirida no fim do ano pela XP Investimentos, anunciou hoje que vai isentar os clientes da tarifa de custódia, cobrada pela guarda dos títulos, ações ou renda fixa. Em geral, muitas corretoras já ofereciam isenção na taxa de corretagem e administração, movimento que cresceu com o esforço da XP para ganhar musculatura para abrir seu capital. Mas todas repassam a custódia, que não é um ganho da corretora, mas é cobrada pela B3. Agora, no caso da Rico, a corretora pagará a custódia pelo cliente. A corretora também não cobrará pelo TED para retirada do dinheiro.

No caso do Tesouro Direto, essa taxa é de 0,30% ao ano. Segundo comunicado da corretora, a partir de agora, a empresa isenta todos os investimentos da taxa de custódia de renda fixa, bolsa, COE, Tesouro Direto e TED para retiradas, tanto para os novos clientes quanto para quem já aplicava. Por meio da promoção, chamada “Taxa Zero”, a empresa, que já é uma das líderes em Tesouro Direto, pretende aumentar em 100 mil sua carteira de investidores até o final do ano, diz a instituição em comunicado.

“Conhecida no ramo por ser uma empresa digital de investimentos, com atuação nos mercados de renda fixa e variável, a Rico apresenta mais esse benefício para quem optar pelo nossos produtos”, explica Roberto Indech, analista-chefe da Rico. Com aplicações a partir de R$30,00, como o Tesouro Direto, a Rico oferece investimentos em ações, fundos de investimento (multimercados, ações e renda fixa), LCI, LCA, CDB, opções e contratos futuros.

Para o segundo semestre, a empresa planeja uma campanha de marketing que pretende reforçar os atributos e benefícios da Rico. Criada em 2011 com foco em investimentos por meio de plataforma digital para pessoa física, a Rico já conta com 130 mil clientes em todo o Brasil, com mais de R$ 11 bilhões em ativos sob custódia.

Artigo AnteriorPróximo Artigo